AEROPORTOS

Amadeus usa tecnologia na nuvem para automatizar aeroportos

Wikicommons/Nico-dk
Aeroporto de Billund conta agora com tecnologia na nuvem da Amadeus
Aeroporto de Billund conta agora com tecnologia na nuvem da Amadeus

A Amadeus deu mais um passo rumo à digitalização dos processos nos aeroportos. A empresa implementou no aeroporto de Billund, o segundo maior da Dinamarca, a tecnologia baseada na nuvem para automatizar o processo de embarque dos passageiros, utilizando o autoatendimento em boa parte dos atritos entre a chegada no aeroporto e a entrada no avião.

De acordo com a Amadeus, isso inclui, entre outras coisas, realizar etapas como check-in e despacho de bagagens em um totem de autoatendimento. A ideia é que isso ajude não apenas na conveniência dos passageiros, mas também na agilidade e eficiência dos aeroportos, principalmente nos mais superlotados.

Como parte da adição da tecnologia na nuvem, o aeroporto também utilizará o sistema de reconciliação de bagagem Amadeus Baggage Reconciliation, integrado com os sistemas das companhias aéreas. A solução usa dados em tempo real no monitoramento de bagagens, reduzindo o extravio delas ao melhorar seu rastreio.

“Estamos animados em ajudar o aeroporto de Billund a oferecer um moderno recurso de autoatendimento no mesmo patamar dos maiores aeroportos da Europa. Esse é o poder de uma infraestrutura baseada na nuvem que pode ser facilmente implementada em um curto período", comentou o diretor de Tecnologia para Aeroportos da Amadeus, Yannick Beunardeau.

Leonardo Ramos
Embarque da Delta em Atlanta já é 100% automatizado, e prova que redução de tempo de embarque é viável
Embarque da Delta em Atlanta já é 100% automatizado, e prova que redução de tempo de embarque é viável


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora