Delta reporta receita de US$ 11,6 bilhões no 2T2018 | Empresas | PANROTAS
EMPRESAS

Delta reporta receita de US$ 11,6 bilhões no 2T2018

Divulgação / Delta
A Delta Air Lines registrou uma receita operacional ajustada em US$ 11,6 bilhões no segundo trimestre do ano, obtendo um crescimento de 8% em relação ao mesmo período de 2017. Segundo a companhia, o montante apresentado no período é um recorde.

Apesar disso, a aérea reportou uma receita antes dos impostos de US$ 1,6 bilhão, o que representa US$ 183 milhões a menos que o obtido no ano passado.

"Com o forte impulso de receita e uma melhoria na trajetória de custos, posicionamos a Delta para retornar à expansão da margem no final do ano", destaca o diretor executivo, Ed Bastian. Segundo ele, o resultado de receita trimestral marca um recorde para a empresa, impulsionado por melhorias nos negócios, incluindo aumentos de dois dígitos nas receitas.

A companhia ainda revelou um aumento de 4,6% na receita total consolidada por assento disponível (TRASM) durante o período, e de 2,9% ao ano no custo unitário consolidado por assento disponível (CASM).

Em relação aos custos, a despesa não operacional ajustada obteve uma melhora de US$ 43 milhões em relação ao primeiro trimestre de 2017. Enquanto isso, as despesas com imposto ajustado diminuíram US$ 255 milhões, principalmente devido à redução na alíquota de imposto sobre livros da Delta de 34% para 23%.

Entre os destaques do ano, a Delta salienta a joint venture com a Korean Air, expandindo suas operações para mais de 50 destinos, além de dois novos serviços, frutos da parceria, que estarão disponíveis em 2019: entre Seattle, nos Estados Unidos, e Osaka, no Japão, e de Minneapolis, também nos Estados Unidos, a Seul, capital sul-coreana.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA