EMPRESAS

American Airlines cancela sua última rota para a Bolívia


Divulgação/ American Airlines
American Airlines cancelou sua última rota na Bolívia, entre Santa Cruz de La Sierra e Miami
American Airlines cancelou sua última rota na Bolívia, entre Santa Cruz de La Sierra e Miami

Enquanto os índices de crescimento do mercado aéreo se mostram positivos no Cone Sul, a Bolívia vive um processo contrários a esta tendência. O anúncio mais recente neste sentido veio da American Airlines que, depois de 29 anos de operações ininterruptas, informou que vai suspender sua rota do país com destino a Miami a partir de 27 de novembro. Vale lembrar que, em julho, a AA já tinha deixado de voar até La Paz e, agora, só passava por Santa Cruz de la Sierra.

Em entrevista ao The Associated Press, a coordenadora de Comunicação da companhia aérea, Luren Ruotolo, afirmou que a decisão se deve a necessidade de manter “rotas rentáveis que assegurem o êxito da companhia a longo prazo e sua competência global.” Para experts do setor, as companhias estão deixando o país andino devido ao alto custo operacional dos aeroportos e pelo protecionismo excessivo do governo a favor da Boliviana de Aviación (BoA).


*Fonte: Ladevi

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA