Gol retoma voos a Punta Cana, na República Dominicana

|


Divulgação/Gol
O Boeing 737 MAX, da GOL, que partiu de Guarulhos (GRU) na tarde deste sábado rumo a Punta Cana (PUJ)
O Boeing 737 MAX, da GOL, que partiu de Guarulhos (GRU) na tarde deste sábado rumo a Punta Cana (PUJ)

A Gol Linhas Aéreas voltou a voar a Punta Cana. O voo direto saiu do aeroporto de Guarulhos às 14h no último sábado (13), chegando à República Dominicana por volta das 20h. Trata-se de uma das mais longevas e importantes rotas internacionais da companhia aérea brasileira, que classifica o serviço como mais um passo importante de sua retomada internacional e o atribui ao avanço da vacinação no Brasil. O voo direto da Gol a Punta Cana é feito três vezes por semana.

O voo inicial ganhou tom comemorativo, como outros dois operados neste mês de retomada - Montevidéu, em 3/11, e Cancún, em 12/11. A tripulação proferiu um discurso especial no embarque, em agradecimento aos clientes. Espumante a bordo e outros mimos foram oferecidos, e a Gol garante que todos os protocolos foram seguidos rigidamente.

Divulgação/Gol

A Gol voa para Punta Cana - uma das maiores estrelas do Caribe - desde junho de 2009, exceção feita ao período em que todos os seus voos internacionais foram suspensos devido à pandemia, de março de 2020 a outubro de 2021. Hoje, é a única Companhia brasileira a voar para a capital internacional do Turismo da República Dominicana em operações diretas do Brasil.

A aeronave utilizada no serviço é o B737 Max.

"A Gol conquistou tradição nesta rota para Punta Cana, um dos mais atraentes destinos no Caribe. São 12 anos de operações entre o Brasil e a República Dominicana, suspensas durante a pandemia e que agora voltam para atender aos clientes vindos de todo o País, que podem se servir das facilidades oferecidas pela Gol em um hub com a importância e conectividade de Guarulhos", afirma o diretor de Alianças, Internacional e Distribuição da Gol, Randall Saenz Aguero.

Voos à Punta Cana estão à venda.
Esta empresa apoia o Fórum PANROTAS 2021
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA