Importantes entidades da aviação se unem para discutir fraudes

|


Reprodução/Pixabay
O Turismo ganha o reforço contra fraude em passagens aéreas de três das principais entidades atuantes na aviação. Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) e Associação Latino Americana e do Caribe de Transporte Aéreo (ALTA) realizaram, recentemente, a segunda reunião do Grupo de Prevenção de Fraude.

Mais de 50 participantes da indústria, incluindo empresas aéreas, agentes de viagens, associações de agências, bancos e escritórios de advogados participaram do evento. O objetivo é compartilhar as melhores práticas e tendências globais para prevenir e mitigar a fraude e suas implicações para a indústria e a região.

Entre as participantes, a Delta Air Lines apresentou sua experiência com fraude no Brasil e destacou outros segmentos, como bagagens supostamente extraviadas, que também são constantes, e como a solução RFID para rastreamento ajudou a diminuir as fraudes e também melhorou a experiência dos passageiros.

A Decolar.com compartilhou os desafios e melhorias neste assunto dentro do País. O Itaú/Citibank apresentou os principais casos de fraude em agências de viagens. Por último foram apresentados os avanços desde a última reunião, como o apoio da Abecs (Associação Brasileira das Empesas de Cartões de Crédito e Serviços) e Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

Uma nova reunião já está agendada para 22 de novembro.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA