Belotur e Sebrae Minas promovem lançamento de e-book com receitas típicas

|


Divulgação/Belotur
A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, e o Sebrae Minas, com parceria do Senac, lançam, nesta terça-feira (10), o e-book “Territórios e Redes Criativas - Etapa Lagoinha”. A publicação é fruto de projeto com o mesmo nome, que realizou pesquisas e mapeamento dos empreendedores locais e promoveu capacitações e consultorias para os estabelecimentos gastronômicos da região. O e-book será lançado por meio de uma live, diretamente do boteco “Venda da Esquina”, com transmissão ao vivo pelo YouTube do Sebrae, a partir das 19h. Após o evento, o livro estará disponível no link.

Com curadoria do jornalista Daniel Neto, o Nenel do Blog Baixa Gastronomia, e da chef Mariana Gontijo, pesquisadora das raízes da gastronomia mineira, o livro apresenta a história de doze estabelecimentos da região da Lagoinha, cada um com uma receita especial. A seleção dos botecos e restaurantes se deu a partir de um mapeamento realizado pelo jornalista, no qual foram identificados alguns empreendimentos que representam as diversas influências culturais presentes nos bairros da Região da Lagoinha.

Enquanto Nenel experimentava pratos tradicionais, descrevia as características mais marcantes de cada receita e apresentava um pouco da história desses lugares em posts nas redes sociais, Mariana Gontijo ajudava os empreendedores a valorizar essa produção, sugerindo formas de apresentar os pratos, a calcular custos e preço final, a exibir os produtos na prateleira de um jeito mais atrativo e até alterar a disposição das mesas e balcões.

Para contar um pouco mais sobre esse processo de mapeamento desses estabelecimentos e seleção de receitas para o livro, Nenel e a Chef Mariana Gontijo vão conversar com Cátia Cândida da Silva, do bar Venda da Esquina, além de Marcos Boffa, diretor de Políticas de Turismo e Inovação da Belotur, e Ricardo Lana, analista do Sebrae Minas. Durante a live, os participantes vão, ainda, experimentar alguns petiscos tradicionais do estabelecimento e falar sobre receitas, sabores e histórias da gente da Região da Lagoinha.

ETAPA LAGOINHA
Lançado em dezembro de 2019, o projeto Territórios e Redes Criativas tem como objetivo valorizar a cultura material e imaterial de algumas regiões de Belo Horizonte, estimular arranjos produtivos locais dos diversos segmentos da economia criativa e potencializar e dar maior visibilidade aos empreendedores locais, gerando novas oportunidades de emprego e renda.

Na Região da Lagoinha, o segmento escolhido como mais representativo da economia criativa – devido ao processo histórico da sua constituição e ocupação – foi a gastronomia. Ao longo de 2020 foram desenvolvidas pesquisas e mapeamentos dos empreendedores locais, para entender as suas demandas e adequar as ações do projeto às necessidades detectadas.

A primeira fase foi destinada à pesquisa junto a empreendedores da região. Neste momento, o Senac realizou a pesquisa “Primórdios da Cozinha Mineira”, que utiliza a metodologia de história oral para identificar as raízes identitárias da gastronomia presentes na Região da Lagoinha e as múltiplas influências culturais que colaboraram para a sua constituição.

Com outro recorte, o Sebrae Minas realizou um mapeamento dos empreendimentos de gastronomia em atividade para entender as principais dificuldades e desafios que os pequenos negócios da região estão enfrentando e as possíveis soluções para tornar esses empreendimentos mais competitivos. Os resultados apontados em ambas as pesquisas subsidiaram o processo de capacitação realizado na fase seguinte.

A segunda etapa teve início em setembro de 2020 com uma série de capacitações e consultorias personalizadas, que se estendeu até dezembro. Ao longo deste processo formativo, foram realizadas cerca de 21 oficinas e consultorias individualizadas, somando mais de 30 horas de formação.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA