Mega Fam da Universal inicia com a participação de 50 brasileiros

|


Alexandre Campbell
Renato Gonçalves e Marcos Paes Barros, da Universal Orlando, durante a abertura do Mega Fam Tour Universal
Renato Gonçalves e Marcos Paes Barros, da Universal Orlando, durante a abertura do Mega Fam Tour Universal

Começou ontem (terça-feira, 3) em Orlando, nos Estados Unidos, o Mega Fam Tour da Universal que está reunindo 120 profissionais de Turismo do Brasil, Argentina, Chile e México para celebrar os ótimos resultados obtidos no ano e preparar as vendas para 2020. O Brasil conta com a participação de 50 operadores e agentes de viagens que foram escolhidos a partir de um quiz realizado em dez cidades com mais de vinte perguntas. Os cinco melhores agentes de cada cidade se classificaram para o Fam Tour Universal And U e foram contemplados com a viagem. Na verdade, foram contemplados os que souberam responder melhor sobre o produto.

O evento de abertura aconteceu no auditório do Loews Royal Pacific Resort, um dos hotéis de luxo da rede, e começou com a explanação do vice-presidente de Marketing e Vendas para América Latina da Universal, Marcos Barros, que agradeceu a parceria da Copa Airlines e disse ter certeza de que esses dias juntos serão muito divertidos, intensos e que todos absorverão da melhor forma o produto.

Alexandre Campbell
O desfile de Natal
O desfile de Natal
Na sequência, Renato Gonçalves, executivo sênior de Negócios da Universal, abordou detalhadamente a questão das vendas. Segundo ele, o ponto chave para vender o produto não se limita aos parques somente ou a um dos hotéis, mas ao complexo Universal como um todo, que foi concebido com os seus elementos muito próximos uns dos outros: o "City Walk", como é chamado o centro de comércio e restaurantes, os vários hotéis e os parques. O complexo também está estrategic amente bem situado na cidade, perto dos mais importantes shoppings de compras.

Gonçalves lembrou que o brasileiro adora os benefícios exclusivos que o hóspede dos hotéis possuem nos parques como a entrada antecipada em uma hora em relação aos demais visitantes e o cartão chave especial que, ao ser habilitado, o hóspede pode fazer qualquer compra nas lojas e restaurantes da Universal e do CityWalk que o pagamento será feito somente no checkout. E ainda, os hóspedes não precisam carregar inúmeras sacolas durante a visita, as lojas entregam diretamente no hotel no dia seguinte.

Outro benefício é o transporte gratuito entre os hotéis e os parques, funcionando até as duas horas da manhã, horário que os restaurantes do CityWalk fecham. Intercâmbio de piscinas também foi um ponto citado na apresentação de Renato Gonçalves. Hóspedes de um hotel podem frequentar a piscina de outros, com exceç ;ão dos hotéis econômicos.

E, finalmente, foi abordada a vantagem de possuir o cartão Universal Express, o fura filas da Universal, um cartão que é vendido somente no site americano da Universal ou na bilheteria. Esse cartão diminui o tempo de espera na fila das atrações. Os hóspedes dos hotéis de luxo possuem esse benefício automaticamente, do checkin ao checkout para todos os integrantes do quarto. "Vender o complexo é bom para o agente de viagens, é bom para a Universal, mas é melhor ainda para o cliente", completa ele.

Ao final da manhã o grupo posou para fotos e, em seguida, os participantes seguiram para a visitação de outros hotéis da rede e dos parques, com o Universal Express em mãos. Dentre as atrações mais cobiçadas do momento está o Hagrid's Magical Creatures Motorbike Adventures, a nova montanha russa dentro do The Wisarding World of Harry Porter no parque Island of Adventure.

Por Alexandre Campbell, especialmente para o Portal PANROTAS.

Veja mais fotos no álbum abaixo:

O Portal PANROTAS viaja a convite da Universal Studios com seguro Intermac Assistance
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA