MERCADO

Grupo Accor teve receita de 3,6 bilhões de euros em 2018


Marcos Martins
Jean-Jacques Morin, da Accor, durante evento na Alemanha
Jean-Jacques Morin, da Accor, durante evento na Alemanha
BERLIM - O grupo Accor teve crescimento orgânico recorde em sua rede, de acordo com o balanço oficial de 2018. A receita consolidada foi de 3,6 bilhões de euros, um aumento de 16,9% em relação a 2017. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) consolidado foi de 712 milhões de euros, um aumento de 14,5%. Os resultados foram divulgados no mesmo dia em que a Accor mudou a sua identidade visual e anunciou nova marca midscale.

No ano passado, foram abertos 43.905 quartos em 300 hotéis, encerrando o ano com uma carteira de 703.806 quartos (4.780 hotéis) e um pipeline de 198.000 quartos (1.118 hotéis). Desse número, 78% correspondem a mercados emergentes e 49% apenas na região da Ásia-Pacífico.

A parte de Hotel Services registrou volume de negócios de 20 bilhões de euros, uma alta de 13,4% a câmbio constante e receita de 2,6 bilhões de euros, acréscimo de 8,4%. Segundo a empresa, os resultados refletem sólidas condições de negociação no ano e o desenvolvimento da carteira de hotéis.

"Foi um ano muito específico para nós porque passamos uma transformação e iniciamos aquisições significativas com performance sustentável. Temos negócios em mais de 100 países e nosso foco não é, especificamente, ser número um apenas na China ou Estados Unidos, por exemplo, mas em sermos o número um na Europa, América Latina e Ásia Pacífico”, afirma o deputy CEO e CFO (chief financial officer) da Accor, Jean-Jacques Morin.

PERFORMANCE POR REGIÃO

A receita por quarto disponível (Revpar) do grupo subiu 5,6%. A América do Sul teve forte recuperação ao longo de 2018, explicado pela melhoria constante da atividade brasileira desde o quarto trimestre de 2017. O Revpar na região cresceu 12,3%.

A Ásia-Pacífico continuou com bom desempenho, registrando uma alta de 4,3% no Revpar, mas a China conseguiu índice maior de crescimento com 6,8%. Oriente Médio e África tiveram crescimento moderado do Revpar de 1,8%, já a Europa subiu 6,5%. América do Norte, América Central e Caribe registraram crescimento de 4% como reflexo da atividade no Canadá, onde o Revpar teve acréscimo de 7,1%.

O Portal PANROTAS viaja a convite da Accor com proteção GTA

Esta empresa apoia o Fórum PANROTAS 2019
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA