Ocupação hoteleira nos EUA se mantém estável

|

PhB/Unsplash
Ocupação hoteleira nos EUA ficou praticamente estável em relação à semana anterior
Ocupação hoteleira nos EUA ficou praticamente estável em relação à semana anterior
A ocupação dos hotéis nos EUA ficou praticamente estável em relação à semana anterior, registrando 50,1%, de acordo com os dados mais recentes da STR. O período considerado foi de 11 a 17 de outubro.

Além da ocupação de 50,1% – que consistiu em uma queda de 30,7% em relação a mesma semana do ano passado –, a taxa média diária foi de US$ 97,69, uma diminuição de 28,3%. A receita por quarto disponível foi de US$ 48,91, significando uma queda de 50,3% em comparação com o período em 2019.

Os dados agregados dos 25 principais mercados mostraram uma menor ocupação (44,4%), mas uma taxa média diária mais alta, de US$ 101,56, do que todas as outras regiões. Oito desses principais alcançaram ou ultrapassaram os 50%, liderados por Norfolk/Virginia Beach, na Virginia, com 53,7%, San Diego, na Califórnia, com 53,5%, e Phoenix, no Arizona, que registrou 52,9%.

Os destinos com os níveis de ocupação mais baixos na semana analisada incluíram a Ilha de Oahu, no Havaí, que chegou a somente 20%, e Orlando, na Flórida, que teve 35,7%.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA