Baha Mar (Bahamas) inicia reabertura gradual em dezembro

|


Divulgação
Nos últimos meses, o complexo hoteleiro investiu US$ 300 milhões em expansão
Nos últimos meses, o complexo hoteleiro investiu US$ 300 milhões em expansão
O Baha Mar, complexo hoteleiro localizado em Nassau (Bahamas), acaba de anunciar sua reabertura gradual a partir de 17 de dezembro de 2020. As operações serão retomadas inicialmente no Grand Hyatt Baha Mar, seguido do Rosewood Baha Mar e SLS Baha Mar. A reabertura será realizada com 60% da capacidade dos empreendimentos e seguirá todos os protocolos de segurança do programa "Compromisso com o bem-estar", que inclui as melhores práticas de higiene e desinfecção do Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC).

Entre as novas medidas adotadas no complexo estão o distanciamento social nas áreas comuns, a disponibilização de cardápios digitais e o pagamento sem contato por meio de pulseiras. Ao chegar ao Baha Mar, os hóspedes serão submetidos a um teste rápido, fornecido gratuitamente, e deverão preencher um questionário on-line diário para rastreamento dos sintomas, bem como usar máscara durante toda a estada. Além disso, para visitar as Bahamas, o governo exige que os viajantes façam um teste PCR de covid-19 cinco dias antes de sua chegada ao destino, solicitem um visto de saúde e adquiram um seguro médico que cubra as despesas relacionadas à covid-19 durante a viagem.

Nos últimos meses, o complexo investiu US$ 300 milhões em um projeto de expansão que compreende a renovação da praia Melia Nassau, a adição do campo de golfe Mini Blue, o novo restaurante Sugar Factory e novas butiques de luxo, incluindo as marcas Tory Burch, Mont Blanc, Christian Loubotin, Hackett of London, Satchel and Co. e Carlo Milano. O complexo também iniciou o desenvolvimento da Baha Bay, uma experiência de aventura aquática programada para ser concluída em 2021.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA