Palácio Rio Branco (BA) e Inhotim (MG) estão nos planos da Vila Galé

|

PANROTAS / Antonio R. Rocha
Jorge Rebelo de Almeida deu pistas sobre os planos da rede no Brasil
Jorge Rebelo de Almeida deu pistas sobre os planos da rede no Brasil
FORTALEZA – Durante as comemorações dos 20 anos da rede Vila Galé no Brasil, realizadas no sábado (20) passado no primeiro hotel do grupo no País, o Vila Galé Fortaleza, o diretor presidente da rede portuguesa, Jorge Rebelo de Almeida, afirmou que "está de olho" em dois novos segmentos, sobretudo devido às mudanças de hábito que a pandemia trouxe. O Turismo de natureza e as temáticas histórico-culturais poderão ganhar espaço em breve, segundo ele.

Rebelo, de início, evitou falar do que chama de "possibilidades futuras", mas depois citou as duas prováveis bolas da vez da rede Vila Galé, que incluem Turismo de experiência e cultura, nichos que são fortes indicadores em pesquisas de mercado. Salvador (BA) e Brumadinho (MG), a 60 quilômetros de Belo Horizonte, seriam os locais escolhidos.

"Já começamos a conversar com autoridades da Bahia para transformarmos o Palácio Rio Branco em hotel. É um sonho ainda. Já o Gonzalo, meu filho, está evoluindo bem num projeto no Parque Nacional do Inhotim, em Minas Gerais. Já foi erguido um hotel por lá, com administração familiar, e nosso projeto incluiria também essa construção . Se der tudo certo, e Deus sempre nos ajuda, deveremos investir nos segmentos cultura e natureza também aqui no Brasil, como já fazemos em Portugal", explica Rebelo.

Por enquanto, porém, como faz questão de ressaltar o presidente da rede, de concreto só há a conclusão do Vila Galé Carro Quebrado, com 514 apartamentos, no litoral norte de Alagoas. A previsão de inauguração é julho de 2022. Logo após, ressalta Rebelo, a ideia é construir um Vila Galé Collection em Cubumco (CE), onde a rede já tem um resort all incusive.

PRESENÇAS
Vários fornecedores e amigos da rede Vila Galé no Brasil confraternizaram na festa de 20 anos da rede no País. O diretor da Tap para a América do Sul, Mário Carvalho, foi lembrado nos discursos e bastante cumprimentado, assim como Sylvio Ferraz e Cristiano Placeres (CVC Corp) e Claiton Armelin (Águia Branca). O presidente da ABIH Nacional, o cearense Manoel Linhares, também participou do evento.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA