Marriott enfrenta segundo ataque hacker em dois anos

|

A Marriott International anunciou hoje (31) que está notificando uma parcela de seus hóspedes sobre um ataque cibernético com violação de dados. Esta é a segunda vez em dois anos que a rede de hotéis sofre um incidente do tipo. A companhia acredita que aproximadamente 5,2 milhões de hóspedes podem ter sido afetados.

Divulgação
Cerca de 5,2 milhões de hóspedes da Marriott foram afetados
Cerca de 5,2 milhões de hóspedes da Marriott foram afetados
Os hotéis operados e franqueados sob as marcas da Marriott usam um aplicativo para ajudar a fornecer serviços aos clientes. No final de fevereiro, a empresa identificou que uma quantidade de informações pode ter sido acessada usando as credenciais de login de dois funcionários em uma propriedade de franquia.

LEIA TAMBÉM
Marriott é processada após vazamento de dados da Starwood

Após a descoberta, a empresa confirmou que as credenciais de login foram desabilitadas, iniciou imediatamente uma investigação, implementou um monitoramento maior e organizou recursos para informar e ajudar os hóspedes. A Marriott também notificou as autoridades relevantes e está apoiando suas investigações.

Entre os dados violados, estão detalhes de contato, como nome, endereço, e-mail e telefone, informações da conta de fidelidade, dados pessoais adicionais, como sexo e aniversário, parcerias e afiliações (programas de fidelidade de companhias aéreas vinculadas, por exemplo) e preferências pessoais.

A Marriott oferece seguro, incluindo seguro cibernético, proporcional ao tamanho e à natureza de suas operações, e a empresa está trabalhando com suas seguradoras para avaliar a cobertura. Atualmente, a rede a não acredita que seus custos totais relacionados ao ataque sejam significativos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA