Parada LGBT de São Paulo recebe 1,6 milhão de turistas em 2022

|


Divulgação
Segundo o Observatório do Turismo de São Paulo, o gasto médio do turista na Para LGBT aumentou 15% em 2022
Segundo o Observatório do Turismo de São Paulo, o gasto médio do turista na Para LGBT aumentou 15% em 2022
A 26ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, que aconteceu no dia 19 de junho, recebeu mais de 1,64 milhão de turistas, segundo dados do Observatório do Turismo da Prefeitura de São Paulo e da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo (APOGLBT-SP). A entidade responsável pelo evento apontou que, no total, a parada atraiu 4 milhões de pessoas à avenida Paulista.

Segundo o Observatório do Turismo, 2,35 milhões (58,9%) do público presente se tratava de moradores de São Paulo, enquanto 41,1% eram de fora da capital paulista.

Ainda de acordo com o levantamento, 12,3% (cerca de 492 mil) eram moradores da Região Metropolitana, já 14,5% (580 mil) vieram do interior do Estado. Brasileiros de outros Estados, como Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina somaram 13,6%, aproximadamente, 544 mil pessoas.

Estrangeiros também integraram o quadro de participantes da Parada LGBT de São Paulo. Foram 28 mil pessoas (0,7%) originárias dos Estados Unidos, Inglaterra, Colômbia, Paquistão, Argentina e outros países.

O Observatório ainda realizou a pesquisa Perfil e Satisfação de Público Parada LGBT+ 2022, na qual registrou que o gasto médio do turista na cidade, por pessoa, foi de R$ 1.881,84 - 15,1% a mais que em 2019 (R$ 1.634,20). Já o gasto médio no evento, por pessoa, foi de R$ 132,30 - 7,5% a mais que 2019 (R$ 123).

Quase 40% do público esteve no evento pela primeira vez este ano, 50,1% participaram da Parada em 2019 e 10,2%, nos anos anteriores. A pesquisa ouviu 1.223 pessoas no dia do evento.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA