Chile divulga protocolos para a reabertura do Turismo

|


Flickr.com-87518488@N00
Os novos protocolos são focados em acomodações e restaurantes
Os novos protocolos são focados em acomodações e restaurantes
Após o pico de contágio da covid-19, o Turismo do Chile poderá retomar suas atividades seguindo os novos protocolos sanitários estabelecidos pelo Ministério da Economia, Desenvolvimento e Turismo, juntamente com a Subsecretaria de Turismo e o Sernatur. As medidas visam a reativação gradual do setor com base em protocolos e recomendações de saúde, apoio financeiro às PMEs e um plano nacional de promoção turística.

"A segurança e saúde dos viajantes se tornará um elemento muito importante na competitividade dos destinos. Portanto, a implementação desses protocolos e guias de recomendação, que foram trabalhados em conjunto com a indústria, é vital para enfrentar a etapa de reativação que esperamos implementar assim que a autoridade de saúde autorizar", afirmou a subsecretária de Turismo, Mónica Zalaquett.

Focados em acomodações e restaurantes, os protocolos contam com recomendações gerais sobre como limpar e higienizar os espaços de trabalho e ambientes turísticos, além de instruir os empreendimentos sobre as novas formas de interagir com o hóspede ou cliente, incluindo distanciamento físico, medição de temperatura e disponibilização de álcool para a limpeza das mãos. Além disso, as orientações mostram como os estabelecimentos devem agir no caso de alguém testar positivo para a covid-19.

As autoridades destacaram que, em um segundo momento, serão disponibilizadas recomendações para segmentos mais específicos do Turismo, como centros de esqui, eventos corporativos, agências de viagens e operadoras, guias de Turismo, vinícolas e áreas de proteção ambiental.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA