Chile amplia até 15 de junho fechamento de fronteiras para turistas

|

O governo do Chile, durante a divulgação do último informe epidemiológico da covid-19, anunciou que ampliará a determinação de fronteiras fechadas para a entrada de turistas estrangeiros. A ampliação da medida, a princípio, vale até o dia 15 de junho, que é também o prazo para o qual valem as atuais medidas de restrição de circulação nas cidades chilenas.

Divulgação
Fechamento do Chile para viajantes estrangeiros foi prorrogado até 15 de junho
Fechamento do Chile para viajantes estrangeiros foi prorrogado até 15 de junho
As novas determinações, antecipadas pelo portal Ladevi, parceiro da PANROTAS na Argentina, foram comunicadas pela subsecretaria de Saúde daquele país, Paula Daza. A executiva reforçou ainda que as medidas estão em vigor desde abril passado e que têm sido eficazes para conter o avanço do vírus.

As medidas restritivas que o Chile mantém são as seguintes:

- As viagens ao Exterior estão restritas até pelo menos 15 de junho, tanto para cidadãos chilenos quanto para estrangeiros residentes no país;

- Até essa data, os estrangeiros que não residam no país não poderão entrar;

- Autoridades indicam que só se pode sair do território chileno quem for tratar de assunto que é fundamental para a nação ou quem não tem previsão de volta;

- Quem entra no Chile deve realizar uma quarentena obrigatória em um hotel de trânsito por um período mínimo de cinco dias. O custo desta estada é cobrado do passageiro.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA