Feira e Fórum marcam a retomada do Turismo do RN

|

Divulgação/Canindé Soares
7ª Femptur (Feira dos Municípios e Produtos Turísticos) do RN e o 12º Fórum de Turismo do RN aconteceram nos dias 17 e 18 de setembro; auditório teve distanciamento de 1,8 metro entre as cadeiras
7ª Femptur (Feira dos Municípios e Produtos Turísticos) do RN e o 12º Fórum de Turismo do RN aconteceram nos dias 17 e 18 de setembro; auditório teve distanciamento de 1,8 metro entre as cadeiras
Encerrados na noite de sábado passado (18), a 7ª Femptur (Feira dos Municípios e Produtos Turísticos) do RN e o 12º Fórum de Turismo do RN marcaram a retomada do Turismo potiguar. Além dos 41 estandes de municípios (39 do próprio Rio Grande do Norte e dois da Paraíba), o evento contou com exposição e comercialização de artesanato, produtos da agricultura familiar, palco com shows culturais, espaço gastronômico e paredão de escalada, a cargo do município de Serra Caiada.

De acordo com o sistema on-line de contagem da Argus, empresa idealizadora e promotora dos dois encontros, circularam pelo Centro de Convenções de Natal 1.727 pessoas na sexta-feira (17) e 2.266 no sábado (18). O evento teve entrada gratuita, mediante credenciamento, e obedeceu uma série de protocolos de segurança contra a covid-19, como distanciamentos, tótens de álcool em gel e uso obrigatório de máscara.

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), participou da solenidade de abertura dos dois eventos. Na ocasião, falou sobre o momento atual do Turismo potiguar. "A feira e o fórum de Turismo do Rio Grande do Norte são os principais eventos do setor. Trazem municípios de vários pontos do Estado para que os gestores possam ver como funciona a dinâmica do Turismo. Estamos num bom momento. A malha aérea melhorou muito, teremos um Complexo da Rampa, que contará a história da aviação, e reabriremos o Forte dos Reis Magos", ressaltou a governadora.

Uma das novidades da Femptur neste ano foi a entrega do troféu "Reconhecimento no Turismo", que obedeceu aos critérios de segmentação do setor. Entre outros municípios, Pipa-Tibau do Sul ganhou no item ecoturismo. Rio do Fogo levou o troféu de turismo de aventura (mar), enquanto Nísia Floresta foi premiada pelo turismo de aventura (terra). Natal ganhou o troféu de turismo gastronômico. Mossoró ficou com a premiação de turismo cultural. Já Parnamirim obteve o troféu de turismo histórico. No segmento turismo religioso o vencedor foi Santa Cruz.

No Fórum de Turismo do RN, que se realizou pelo décimo-segundo ano consecutivo, os temas debatidos, com painéis e palestras, foram Turismo de Eventos, Integração do Turismo do Nordeste, Turismo de Aventura, Sustentabilidade no Turismo e Turismo Cultural. Todos com foco no Rio Grande do Norte.

Os dois eventos têm o apoio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Prefeitura de Natal, Sebrae, Sistema Fecomércio e Banco do Nordeste do Brasil. Também apoiam Fórum e Feira de Turismo do RN o Serhs Natal Grand Hotel, DataShow Brasil, InterTV (Rede Globo) e ABIH-RN.

No álbum a seguir veja algumas fotos dos eventos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA