Portugal trabalha luxo e sustentabilidade no mercado brasileiro

|


PANROTAS / Filip Calixto
Bernardo Cardoso, diretor do Turismo de Portugal
Bernardo Cardoso, diretor do Turismo de Portugal

A ILTM Latin America 2021 é mais uma edição da feira de luxo em que o Turismo de Portugal investe para impulsionar seus produtos e destinos de alto padrão. Um país mais jovial, com uma oferta completa de experiências autênticas, genuínas e diversificadas e um país... reaberto ao brasileiro, com regras simplificadas (basta apresentação de teste negativo, sem necessidade de vacina). O diretor do Turismo de Portugal, Bernardo Cardoso, diz que Portugal é a nação de maior índice de vacinados do mundo, com todos seus adultos completamente imunizados.

Em um mês após a reabertura, o país recebeu mais de 120 mil estrangeiros. Atividades a céu aberto, atrativos culturais, litoral, cidades históricas, Ilha da Madeira, Açores, surfe, atividades ao ar livre. Há luxo em todos os cantos, em todas as vistas, em cada atrativo de Portugal, garante Bernardo Cardoso, e o brasileiro se encanta com o que encontra na "terrinha".

"O Brasil é o quinto maior emissor de visitantes a Portugal e pré-pandemia enviava 1,28 milhão de turistas no país, três vezes mais do que em 2014. Não somos melhores ou piores do que qualquer país do mundo. Somos diferentes. O que se vive lá é único. Nossos concorrentes, como Itália, Estados Unidos, Espanha e França têm muito dinheiro para investir em sua divulgação. Nós não temos, mas nos garantimos com nossas experiências, nossas belezas. Os resultados estão saindo", afirma Cardoso. Em um mês após a reabertura, o país recebeu mais de 120 mil estrangeiros.

PORTUGAL TRABALHA TURISMO SUSTENTÁVEL

Portugal investe na sustentabilidade de seu Turismo, trabalhando para que o estrangeiro tenha consciência sobre seu impacto na comunidade e com planos de médio e longo prazo para que o destino seja "líder de destino no Turismo do futuro".

PANROTAS / Filip Calixto
Bernardo Cardoso na ILTM Latin America 2021
Bernardo Cardoso na ILTM Latin America 2021
"Queremos manter o nosso compromisso com as metas do Turismo de Portugal para a sustentabilidade definidas no Plano Turismo + Sustentável 20-23 alinhado com os objetivos da Estratégia Turismo 2027", aponta Cardoso.

O plano abrange quatro eixos estratégicos:
- Estruturar uma oferta cada vez mais sustentável;
- Qualificar os agentes do setor;
- Promover Portugal como um destino sustentável;
- Monitorizar o desempenho do setor para a sustentabilidade;

As metas até 2023:
- 75% de empreendimentos turísticos com sistemas de eficiência energética, hídrica e gestão de resíduos;
- 75% dos empreendimentos turísticos que não utilizam Plásticos de Uso Único;
- 25 mil aderentes ao Selo Clean & Safe e 30 mil profissionais formados; e 50 mil profissionais com formação nas áreas da sustentabilidade.

Cardoso acrescenta que o objetivo é incrementar as competências dos profissionais do setor, alavancar iniciativas e dinâmicas já existentes, dar visibilidade a boas práticas e inspirar todos a fazer melhor, para alcançar melhores resultados em termos de receitas, da satisfação dos turistas e da preservação do nosso planeta, de forma que o Turismo continue a crescer em valor e alcance a meta de gerar 27 bilhões de euros em receitas turísticas até 2027.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA