ECONOMIA E POLÍTICA

Pelo Turismo, Bolsonaro busca 'modernizar' Mercosul

Flickr/Família Bolsonaro
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (foto), recebeu o presidente argentino, Mauricio Macri, para debater o fortalecimento das relações entre os países do Mercosul.

Para o Turismo, esse alinhamento com a Argentina é importante, considerando que é de lá que vem o maior número de visitantes, na casa dos dois milhões anuais. As ações, no entanto, não foram reveladas até o momento. “Estamos confiantes na modernização do Mercosul tanto em seu aperfeiçoamento interno como na expansão de suas relações com o mundo”, declarou Bolsonaro durante a reunião.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, que também esteve na recepção ao presidente da Argentina, afirmou que “o governo brasileiro entende que estar presente e fazer negócios com o país que é o maior emissor de turistas para o Brasil é uma medida extremamente estratégica para consolidar a nossa parceria e continuar ampliando a presença dos viajantes argentinos em destinos brasileiros”.

A presidente da Embratur, Teté Bezerra, também presente no evento, afirma que o instituto vem realizando diversas ações a fim de desenvolver as relações com o país vizinho, bem como para ampliar a chegada de turistas provenientes dele.

“O turismo internacional regional entre países vizinhos é o que mais cresce e no qual acontecem os maiores fluxos de viajantes. É importante a proximidade, a desburocratização e a modernização que ambos os mandatários estão propondo para as questões comerciais, fatores que com certeza impulsionarão o Turismo”, declarou Teté.

No ano passado, a Embratur realizou algumas iniciativas em parceria com a Improtur, agência que desenvolve o trabalho de promoção internacional da Argentina, assim como a Embratur faz pelo Brasil.

Uma delas foi a missão à China, na qual ambos os países realizaram em conjunto um roadshow, com rodada de negócios e a presença dos principais operadores do país asiático. Nesta ação, ganharam destaque as Cataratas do Iguaçu, o futebol e outros aspectos culturais que são atrativos turísticos compartilhados entre os dois países.

A Embratur também tem trabalhado no auxílio da comercialização do Brasil como oferta turística por meio da ampliação da oferta de voos internacionais. Na semana passada, o instituto recebeu executivos da companhia aérea Flybondi, empresa do segmento low cost, que pretende entrar no mercado brasileiro este ano.

Hoje, a oferta de voos internacionais da Argentina com destino ao Brasil acontece nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas (SP), Porto Alegre, Belo Horizonte, Curitiba, Salvador, Manaus, Recife, Porto Seguro (BA) e Navegantes (SC).

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA