Fórum Anseditur teve encontro com Embratur e depoimento de lideranças

|

Na tarde desta terça-feira (1), ao longo dos trabalhos do 1º Fórum das Capitais da Anseditur (Associação Nacional de Secretários e Dirigentes de Turismo), aconteceu 1º Encontro Embratur e Anseditur, que contou com as participações do ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e do diretor presidente da Embratur, Carlos Brito. O evento é realizado na estrutura do MTur, em Brasília.

Divulgação
Ângelo Sanches, presidente da Anseditur, e Carlos Brito, diretor presidente da Embratur
Ângelo Sanches, presidente da Anseditur, e Carlos Brito, diretor presidente da Embratur
Os representantes poder público, inclusive, foram responsáveis pelo discurso de abertura do evento, colocando à disposição a estrutura das pastas aos secretários e dirigentes da Anseditur. “Iremos fazer várias parcerias com certeza e nessa retomada estaremos juntos”, pontuou o presidente da Embratur.

Também durante o encontro, o presidente da associação de secretários e dirigentes, Ângelo Sanches, ressaltou a forma como os convidados foram recebidos pela estrutura do ministério, em Brasília. “O Turismo é uma indústria que se movimenta todos os dias. Fomos os primeiros a sermos atingidos mas não seremos os últimos a voltarmos. É através do Turismo que podemos reeducar a população”, afirma. “Tenho certeza que cada um que está aqui vai levar a mensagem que mais do que nunca devemos nos agarrar ao governo federal e as iniciativas privadas. O Brasil é um destino único”, completa.

Na sequência da reunião, a Embratur apresentou a equipe que integra seu corpo técnico a partir do diretor de Gestão Corporativa, Edson Queiroz. Houve também uma apresentação da diretoria de Marketing, Inteligência e Comunicação, comandada por Silvio Nascimento.

No final da reunião houve as considerações finais de todos os secretários presentes no 1º Encontro Embratur e Anseditur.

PALAVRA DOS DIRIGENTES
Além da reunião com os executivos da Embratur, as atividades do dia também reservaram espaço para que os dirigentes convidados apresentassem o trabalho que desenvolvem nos seus destinos.

- O primeiro deles foi uma apresentação da secretária de Estado de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça. A executiva mostrou um relatório das ações realizadas desde que iniciou a sua gestão e um resumo das parceiras públicas privadas e projetos que foram realizados para fortalecer o destino.

- Já o secretário de Turismo de Mata São João (BA), Alexandre Rossi, falou sobre a expectativa da retomada e a respeito da criação de um observatório do Turismo na cidade.

- A secretaria de executiva da Anseditur, Meyre France, falou sobre algumas metas da associação. Tais como a contratação de uma empresa, especializada em organização de eventos e o aumento na apresentação de conteúdos, além de traçar estratégias para melhorar a atração de atração de investimentos, parcerias e concessões.

- A vice-presidente Cacau de Paula apresentou o plano estratégico da gestão de 2021 até 2023. Esse projeto leva em consideração a atual situação de pandemia e pondera que a Anseditur tem a missão ir ao encontro dos pequenos, médios e grandes municípios nessa retomada. “Nosso País tem muito potencial e ainda não usamos todo ele”, apontou Cacau.

- O presidente da associação, Ângelo Sanches, também teve seu momento de falar e afirmou que a Asenditur tem a missão de deixar um legado no Turismo brasileiro. “Não vamos poupar esforços! Vamos alcançar voos maiores. Precisamos ser diferencial e construir política de turismo continuada”, disse.

VEJA MAIS FOTOS ABAIXO

Ontem (1), no primeiro dia de atividades intensas, o Fórum tratou de investimentos, estruturas para o Turismo e Cadastur.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA