OPERADORAS

Para CVC, preço e acesso guiam escolha dos passageiros


Marcos Martins
Diretor executivo de Produto Aéreo e Marítimo da CVC Corp, Valter Patriani
Diretor executivo de Produto Aéreo e Marítimo da CVC Corp, Valter Patriani
FORTALEZA - O destino Ceará possui um dos maiores apelos turísticos do Brasil e a CVC Corp tem grande participação na emissão ao Estado. De acordo com pesquisa interna revelada pelo diretor executivo de Produto Aéreo e Marítimo da CVC Corp, Valter Patriani, 97% dos clientes que visitam o destino têm como motivo as praias, sendo 48% mulheres, 36% homens e 16% crianças, ressaltando que, nas famílias, o poder maior de decisão na escolha da viagem é feminino.

Em relação à faixa etária, 72% dos compradores têm mais de 36 anos e Patriani brinca que “quem paga Turismo no mundo é o cabelo branco”. Os compradores de 36 a 50 anos representam 39% entre os clientes CVC, pouco à frente dos viajantes acima de 50 anos (33%), seguidos mais de longe pelo público de 26 a 35 (23%) e até 25 anos (5%).

“Quando as pessoas tiram férias, elas não pensam diretamente no Ceará, mas sim no Nordeste. Depois é que o cliente decide para qual cidade vai viajar, mas Fortaleza é sempre um destaque e é importante que o Ceará seja competitivo”, ressaltou Patriani, durante o seminário Novos Turistas, Novos Desafios, realizado hoje no Centro de Eventos do Ceará.

O executivo ainda destaca a importância do novo hub cearense e da possibilidade de o cliente ter menores tarifas com a competitividade das companhias aéreas. “O hub coloca Fortaleza como centro de distribuição, tanto para a saída quanto para a chegada. Com mais voos há mais competição e com isso há uma tendência de voos mais baratos. O brasileiro está louco para viajar e escolherá o destino se aqui for mais barato que Maceió ou Natal”, sugere.

DESTINOS POPULARES
As praias mais queridas na Grande Fortaleza são a Praia do Futuro, Cumbuco e Porto das Dunas. Considerando um raio de 200 quilômetros aparecem Canoa Quebrada, Águas Belas, Lagoinha, Morro Branco e Mandaú. Os três destinos mais queridos do Ceará, de acordo com o levantamento, são Fortaleza, Jericoacoara e Canoa Quebrada, sendo que 90% dos turistas da Grande Fortaleza se hospedam na Beira Mar, mas procuram outras praias. São Paulo é responsável por 47% dos turistas, à frente de Rio de Janeiro e Minas Gerais (5%), Paraná (5%), Bahia (4%) e, empatados, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Brasília, Goiás e Santa Catarina (3%).

Uma nova possibilidade para o futuro do Ceará, segundo Patriani, é quando o destino estiver pronto para os cruzeiros. "O Porto de Fortaleza é uma oportunidade porque temos temporada invertida com a Europa. A cidade ainda não pode receber navios em relação à profundidade dos canais, mas resolvendo esse problema, será mais uma chance para aumentar o número de turistas com navios de até cinco mil passageiros."

O Portal PANROTAS viaja a convite do Governo do Estado do Ceará e da Secretária do Turismo (Setur)
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA