Aviação e hotelaria em SP crescem acima de 200% em junho

|

Índices revelados na terceira edição do Boletim Observatório do Turismo, da SPTuris, mostram que os segmentos de aviação e hotelaria cresceram de maneira significante durante o mês de junho. Os dois nichos citados tiveram alta acima de 200% em movimentação de passageiros, no caso da segmento aéreo, e taxa de ocupação, nos meios de hospedagem do Estado.

Unsplash/Dominik Scythe
Mais de 2,9 milhões de passageiros passaram pelos aeroportos paulistas em junho
Mais de 2,9 milhões de passageiros passaram pelos aeroportos paulistas em junho
Esses índices tiveram como base de comparação o mesmo mês no ano passado e nua foram os únicos com alta no período. Segundo informa o boletim, a arrecadação de impostos com o Turismo, o transporte rodoviário e a boa avaliação dos atrativos da região também cresceram.

AVIAÇÃO
Segundo informou o relatório da SPTuris, o número total de passageiros que embarcam e desembarcam nos três principais aeroportos de São Paulo (Congonhas, Guarulhos e Viracopos) superou a barreira dos 2,9 mil no mês, o que representa alta de 266,8% sobre os pouco mais de 800 que passaram pelos mesmos terminais em junho de 2020.

Na comparação com 2019, porém, o indicativo é 48% inferior.

No acumulado do primeiro semestre do ano, o número de passageiros que embarcam e desembarcam nos três aeroportos foi 11,5% menor que no mesmo período de 2020 e 54,3% menor quando comparado com o período de 2019.

MEIOS DE HOSPEDAGEM
Também apontada na pesquisa, a taxa de ocupação dos hotéis no mês de junho de 2021, que chegou a 39%, cresceu 234,7% em relação ao mesmo mês de 2020. Apesar de expressivo, contudo, o número é relativizado pela SPTuris, que faz questão de frisar que a base de comparação (junho do anos passado) é a pior taxa do ano de início da pandemia.

Unsplash/Marten Bjork
Os hotéis do Estado anotaram 39% de ocupação em junho
Os hotéis do Estado anotaram 39% de ocupação em junho
Já em relação a maio de 2021, o indicador subiu 23,2%, indicando uma maior movimentação no setor hoteleiro. O valor da diária média dos hotéis foi 3,5% menor que no mesmo mês de 2020 e 9,8% maior que a de maio de 2021.

Já os hostels apresentaram aumento de 23,4% na taxa de ocupação na comparação com junho de 2020 e um aumento de 45,2% se compararmos com o mês anterior.

TRANSPORTE RODOVIÁRIO
O fluxo de passageiros desembarcados nas rodoviárias paulistanas (Tietê, Barra Funda e Jabaquara) subiu 140% de acordo com a mesma base de comparação.

Mais de 567 mil passageiros embarcaram ou desembarcaram nos terminais paulistas em junho
Mais de 567 mil passageiros embarcaram ou desembarcaram nos terminais paulistas em junho
O acumulado do fluxo de passageiros nos três terminais rodoviários do 1° semestre de 2021 é 17,7% menor que o mesmo período de 2020 e 56,2% menor que o mesmo período de 2019.

ARRECADAÇÃO DE ISS
A arrecadação de ISS no grupo 13, onde estão concentradas as atividades do Turismo, hotelaria, eventos e similares em junho foi 145,5% maior se comparado com o mesmo mês do ano anterior.

O acumulado no 1° semestre de 2021 foi 44,6 % menor que o mesmo período de 2020 e 62,1% menor que o mesmo período de 2019.

O relatório é feito em parceria com a FecomercioSP, que também divulgou a sua análise.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA