WTTC vê recuperação de Viagens e Turismo em 2022, apesar da ômicron

|


Unsplash/Romain Mathon
Apesar da ômicron ter atrasado o início deste ano, observa-se uma recuperação nas reservas globalmente
Apesar da ômicron ter atrasado o início deste ano, observa-se uma recuperação nas reservas globalmente
O World Travel and Tourism Council (WTTC) garantiu que a indústria de Viagens e Turismo terá um desempenho melhor este ano, uma vez que se observa uma forte recuperação das reservas globalmente. Durante a participação do WTTC no Fitur 2022, a agência estimou que a incidência de casos por ômicron pode continuar a crescer nas próximas semanas, embora exista a possibilidade de que diminuam rapidamente a partir de março.

“Estamos confiantes de que 2022 será um ano muito mais forte que o anterior e começaremos a ver uma recuperação mais sustentada do setor; a ômicron teve impacto no início deste ano, mas segundo os cientistas os sintomas são menos graves e as hospitalizações e mortes estão diminuindo. É por isso que os governos devem remover as restrições de viagem e permitir que os passageiros vacinados viajem livremente”, disse a presidente e CEO do WTTC, Julia Simpson.

De acordo com os dados de reservas do parceiro estratégico do WTTC Forward Keys, há uma forte recuperação e aumento das reservas para a Páscoa em toda a Europa, com um aumento de mais de 200% em relação a 2021. Além disso, as reservas de verão aumentaram mais de 80%. No entanto, esses resultados ainda estão abaixo dos níveis pré-pandemia.

Neste relatório, a Espanha e a Turquia são destacadas como os destinos mais populares para os viajantes europeus em 2022. As chegadas internacionais à Espanha no primeiro trimestre de 2022 aumentaram 320% em relação ao ano anterior.

A demanda por viagens é muito alta em todo o mundo e, à medida que as restrições continuam a diminuir e a confiança do consumidor cresce, espera-se um aumento significativo nas reservas nos próximos meses. Diante disso, o WTTC assegurou que os governos devem focar na simplificação das regras para que as viagens sejam rápidas e eficientes, o que significará uma maior recuperação econômica.

Apesar das restrições de viagens em vigor, o WTTC projeta que 2022 será um ano muito mais forte do que o anterior, em que se começará a ver uma recuperação mais sustentada do setor de viagens e Turismo.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA