Airbnb cria ferramenta para denunciar aglomerações

|

Com a intenção de reduzir os casos de aglomerações em imóveis alugados pela plataforma, o Airbnb trouxe para o Brasil o Canal de Apoio ao Vizinho. A ferramenta foi criada sob medida para o momento de restrições causadas pela expansão da pandemia de covid-19 e facilita a comunicação para denúncias de irregularidades contra as normas de isolamento social nos mais diferentes destinos atendidos pelo aplicativo.

Pixabay
O programa, que já foi experimentado em países como Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Nova Zelândia, dá a vizinhança de imóveis listados na plataforma um canal de acesso direto com o Airbnb 24 horas por dia, sete dias por semana. Basta acessar a página airbnb.com.br/vizinho, detalhar o caso por escrito, ou solicitar o apoio de um representante especializado, que dará retorno para atendimento por telefone.

"A segurança e o bem-estar de anfitriões, hóspedes e da comunidade de forma geral são prioridade para o Airbnb, e o nosso novo Canal de Apoio ao Vizinho vai facilitar que eventuais descumprimentos às determinações das autoridades locais e aos termos de uso do Airbnb sejam encaminhados o mais rapidamente possível", diz a diretora de Relações Institucionais e Governamentais do Airbnb para a América Latina, Flávia Matos. "Incidentes na plataforma são raros, mas trabalhamos constantemente para torná-los ainda mais raros", acrescenta.

No caso de festas e eventos irregulares, anfitriões e hóspedes envolvidos estão sujeitos às penalidades estabelecidas pelo Airbnb, que podem incluir remoção da plataforma, e às medidas legais cabíveis.

A empresa reforça ainda seu compromisso com as iniciativas de contenção do coronavírus no País e que procura informar de forma consistente os anfitriões e hóspedes sobre as restrições estabelecidas pelas autoridades, tanto por meio de e-mails diretos quanto em uma página especial na plataforma.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA