AVIAÇÃO

Delta compra 10% da Air France-KLM; Virgin no negócio


Divulgação

A Delta Air Lines se aproxima ainda mais da Air France-KLM com um investimento de 375 milhões de euros por 10% de participação na parceira que já tem joint venture em diversos mercados com a americana. O acordo também inclui o direito de um assento no Conselho de Diretores do grupo europeu. Além disso, Delta, Air France-KLM e Virgin Atlantic anunciaram hoje uma joint venture de longo prazo sustentada por um investimento de 31% da Air France-KLM na Virgin Atlantic. A ideia aqui é oferecer uma rede mais abrangente de rotas transatlânticas.

"Esse panorama global da aviação significa que é mais importante do que nunca para a Delta aprofundar seus laços com os parceiros globais e assim gerar mais oportunidades de crescimento para todos os lados", avalia o CEO da Delta, Ed Bastian. "Juntar as forças de Delta, Air France-KLM e Virgin Atlantic em uma joint venture combinada dará a nossos clientes mais escolhas em viagens transatlânticas."

Divulgação/Air France
Aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, é um dos terminais vistos como estratégicos na parceria
Aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, é um dos terminais vistos como estratégicos na parceria
Expandida, a joint venture, que ainda inclui a Alitalia, agora fora do acordo com a Etihad, oferecerá quase 300 voos transatlânticos diretos. As aéreas ainda reforçam o benefício de pontuar no programa de milhas de todas elas, além de outras facilidades de conexão em aeroportos estratégicos.

De acordo com a Delta, a ação vai ao encontro de outros invesimentos realizados nos últimos anos, seguindo uma estratégia de crescer por meio de parceiras-chave ao redor do mundo. No Brasil, por exemplo, a companhia norte-americana tem 9,5% do capital da Gol, que também é parceira de Air France-KLM. No México, a Delta tem 49% da principal aérea do país, Aeromexico.

"Durante a última década, as parcerias globais da Delta impulsionaram significativamente nosso crescimento internacional", exalta o presidente internacional e VP de vendas Globais da companhia estadunidense, Steve Sear. "Conforme desenvolvemos essas parcerias, nossa abilidade de alinhas a malha, vendas e outras iniciativas, damos a nossos clientes benefícios ainda maiores."

Divulgação


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA