Iata aponta resiliência global no tráfego de passageiros

|

Da Expedia
avião,aviação,viagens corporativas
avião,aviação,viagens corporativas
A demanda no tráfego de passageiros apresentou melhoras em julho, segundo um levantamento global feito para Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata). Os dados demonstram que houve uma aceleração no crescimento de tráfego de passageiros nos últimos cinco meses.

Para o diretor-geral e CEO da Iata, Alexandre de Juniac, “demanda foi estimulada por tarifas mais baixas, que, por sua vez, foram apoiadas por preços mais baixos do petróleo”. Porém ele ressalta que apesar do crescimento, a Europa, por exemplo, registrou um percentual de queda, possivelmente provocada pelas séries de ataques terroristas.

De acordo como levantamento, a demanda em passageiros-quilômetros pagos transportados (RPK) registou um crescimento de 5,9% em relação ao mesmo mês do ano passado, em todas as regiões do mundo.

Já a capacidade mensal de assentos quilômetros disponíveis (ASK), aumentou 6% e somente a taxa de ocupação registrou 83,7% – o que representa um recuo de 0,1 ponto percentual comparado a julho de 2015.

Mercado Total - Julho de 2016

World shareRPKASKPLF (m.a.)PLF (Nível)
Mercado total100%5,9%6%-0,1%83,7%
África2,2%6,8%5,3%1,1%72,7%
Ásia-Pacífico31,5%9,6%8,2%1%81,2%
Europa26,7%3,4%3,6%-0,2%86,5%
América do Norte24,7%2,8%3,8%-0,9%86,7%
América Latina5,4%2,9%0,5%2%85,1%
Oriente Médio9,4%12,5%15,1%-1,9%78,6%

MERCADO DE PASSAGEIROS INTERNACIONAIS
A demanda de passageiros internacionais registrou um aumento de 7,1% em comparação com o mesmo período do ano anterior. Além disso, as companhias aéreas de todas as regiões do mundo registraram crescimentos.

Internacional - Julho de 2016

World share
RPK
ASK
PLF (m.a.)
PLF (Nível)
Internacional63,3%7,1%7,3%-0,2%83,5%
África1,9%7,4%5,9%1%72,4%
Ásia-Pacífico17,4%9,8%8,6%0,9%81,7%
Europa23,8%4,1%4,7%-0,5%86,7%
América do Norte8,5%4,8%5,1%-0,3%86,1%
América Latina2,9%7,5%4,2%2,6%85,3%
Oriente Médio9,1%13,1%15,5%-1,778,6%

MERCADO DE PASSAGEIROS NACIONAIS
A demanda de viagens domésticas cresceu 3,8% em relação a julho de 2015 – o que, todavia, demonstra um ritmo mais lento comparado aos últimos 19 meses. China e Índia estão avançando para a consolidação de um mercado mais maduro, ao contrário do Brasil e da Rússia que registram recuos comparado com os crescimentos anteriores. De maneira geral, os voos domésticos cresceram 3,7% e a taxa de ocupação subiu 0,1 ponto percentual, para 84,0%.

Domésticos - Julho de 2016

World share
RPKASKPLF (m.a.)PLF (Nível)
Domésticos
36,4%3,8%3,7%0,1%84%
Austrália1,1%0,2%-1,6%1,5%81,1%
Brasil1,4%-6,8%-7,8%1%84,4%
China8,4%10,2%9,7%0,4%82,1%
Estados Unidos15,4%
1,6%
3,1%
-1,3%
87,2%
Índia1,2%26,2%20,5%3,9%84,5%
Japão1,2%0,9%-0,8%1,1%66,7%
Rússia1,3%-3,2%-7,5%3,8%87,3%

LEGENDA
World share: percentual da indústria RPK em 2015.
RPK: Passageiros-quilômetros pagos transportados.
ASK: Assentos-quilômetros disponíveis.
PLF: Taxa de ocupação de passageiros. PLF (m.a) - mudança ano a ano; PLF (Nível) - nível da taxa de ocupação.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA