Filip Calixto   |   12/07/2021 13:36
Atualizada em 12/07/2021 13:42

Em Portugal, restaurantes e hotéis passam a exigir testes de covid-19

Medida do governo português está valando desde o último final de semana


PANROTAS / Renato Machado
A medida busca evitar novos casos da doença, causados especialmente pela variante delta, sem paralisar o funcionamento dessas empresas e atividades
A medida busca evitar novos casos da doença, causados especialmente pela variante delta, sem paralisar o funcionamento dessas empresas e atividades
Desde o final de semana passado, restaurantes, hotéis, hostes e apartamentos alugados para temporada em Portugal passaram a exigir a apresentação de certificados digital de vacinação ou testes com resultado negativo para covid-19. Esses documentos serão necessários para autorizar a entrada de viajantes nesses espaços, conforme determinou o governo local.

A medida busca evitar novos casos da doença, causados especialmente pela variante delta, sem paralisar o funcionamento dessas empresas e atividades.

"A exigência de teste nos hotéis [e nos alojamentos locais] é em todo o território nacional e todos os dias", sublinhou o comunicado do governo português. A medida não abrange crianças até aos 12 anos de idade e, nos meios de hospedagem, os documentos devem ser apresentados no momento do check-in.

No caso dos restaurantes, a apresentação do certificado ou do teste será exigido somente nas sextas-feiras a partir das 19h, nos fins de semana e feriados, quando a demanda desses lugares cresce.

Os estabelecimentos serão responsáveis por controlar a apresentação dos certificados digitais e testes. As pessoas que desrespeitarem a medida estarão sujeitas ao pagamento de multa de € 100 a € 500. Os meios de hospedagem e restaurantes, caso não cumpram a determinação podem ser multados em até € 10 mil.

Tópicos relacionados