Expo Retomada promete testagem em massa para elevar segurança

|


Divulgação
A edição de julho do Expo Retomada deve submeter todos os participantes a testes de covid-19
A edição de julho do Expo Retomada deve submeter todos os participantes a testes de covid-19
Evento concebido para acelerar a reativação do setor de convenções, a Expo Retomada terá mais uma edição este mês. Na próxima semana, entre os dias 21 e 22, o Santos Convention Center, no litoral paulista, receberá cerca de 40 expositores e aproximadamente 750 convidados em um evento que deve ter um processo apurado de testagem covid-19, para aprimorar a segurança do acontecimento.

A organização pretende fazer da segurança a principal qualidade do encontro e, além da testagem, preparou um processo de credenciamento on-line, acesso por QRCode e catracas eletrônicas que farão a leitura direto do celular dos visitantes. Além disso, será respeitado o distanciamento, com corredores mais largos e também entre o público. Toda essa regulamentação sanitária foi elaborada a partir do protocolo elaborado pela Abeoc Brasil, Ubrafe, Abrace e Sindiprom SP.

Para a presidente da Abeoc Brasil, Fátima Facuri, a Expo Retomada chega como o passo final para comprovar que os eventos corporativos, feiras e congressos podem retomar atividades.

“Desde a elaboração do protocolo sanitário, em julho de 2020, estamos buscando esse retorno mostrando que esse tipo de evento é monitorado do início ao fim e, muito mais que outros setores econômicos liberados durante a pandemia, oferece segurança aos participantes. Estamos nos empenhando em fazer o melhor evento possível, onde as empresas e profissionais do segmento poderão se informar ainda mais, buscar ideias e comprovar que é possível voltarmos ao trabalho”, aponta Fátima.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA