Como fica o Turismo em tempos de cólera na política?

|


Vez por outra, Turismo e geopolítica internacional se tornam temas bastante próximos. Afinal, políticas migratórias, governos pouco ou bastante democráticos e o nível de abertura econômica são fatores decisivos para que um país esteja aberto à chegada de turistas ou, por outro lado, afugente os viajantes. Sem falar, é claro, do terrorismo, uma ameaça constante às nações mais desenvolvidas.

Foi o futuro da situação política global em tempos de eleição de Donald Trump, Brexit e protagonismo chinês que dominou o debate no Global Summit do WTTC, em Bangcoc, Tailândia, e é o principal destaque da edição 1.268 do Jornal PANROTAS. O crescimento do nacionalismo e do conservadorismo global seria uma ameaça ao Turismo e à globalização como um todo? Esse é um medo presente, apesar de atenuado pela recente vitória de Emmanuel Macron nas eleições francesas, contra a representante da extrema direta Marine Le Pen.

Além das discussões trazidas pelo WTTC (que também incluem questões de vistos, a ascensão do bleisure nas viagens corporativas e muito mais), nessa edição do JP 1.268 você encontra:

  • Como a aquisição da Trend pela CVC afeta o mercado
  • Tudo sobre o Markethub America 2017, da Hotelbeds
  • Os rumos do luxo e a cobertura da Travelweek by ILTM
  • Novo Hilton abre as portas em Copacabana
Confira abaixo a edição completa do Jornal PANROTAS:

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA