Pesquisa revela preocupações em viagens corporativas no futuro

|

Os viajantes corporativos estão mais preocupados com hábitos adquiridos durante a quarentena, seguidos pelo distanciamento social e pela limpeza do ambiente durante as viagens, de acordo com uma nova pesquisa da BCD Travel, realizada com 1.260 viajantes a negócios em todo o mundo, entre os dias 4 e 11 de maio.

Dreamstime
Hábitos adquiridos durante a quarentena, distanciamento social e limpeza do ambiente estão entre os receios
Hábitos adquiridos durante a quarentena, distanciamento social e limpeza do ambiente estão entre os receios
A covid-19 impactou seriamente as viagens corporativas: 76% dos participantes da pesquisa relataram que todas os deslocamentos a trabalho foram suspensos em suas empresas, enquanto 23% disseram que apenas as viagens essenciais foram preservadas. Sete em dez planejaram viagens a negócios durante o período em que o novo coronavírus começou a afetar sua região. Dessas viagens, 67% foram canceladas ou adiadas, 30% mudaram para reuniões virtuais e apenas 3% ainda ocorreram.

Quando questionados sobre quais são os canais de comunicação preferenciais para receber mensagens, novas políticas ou ações de seus departamentos de viagens, quando os deslocamentos forem retomados:

  • 92% relataram e-mail como seu canal preferido;
  • 52% preferem sua intranet ou portal corporativo;
  • 43% preferem mensagens por meio do aplicativo de viagens para dispositivos móveis, como o TripSource

Os viajantes a negócios compartilharam também suas opiniões sobre várias medidas dos fornecedores de viagens para garantir uma jornada segura no futuro:

  • Entre as medidas adotadas por aeroportos e companhias aéreas, nove em cada dez classificam a desinfecção aprimorada frequente como extremamente ou muito importante, seguida por novos procedimentos de embarque e assentos vazios nos aviões para acomodar o distanciamento social
  • Ao avaliar as medidas dos hotéis, a limpeza aprimorada liderava a lista, pois oito em cada dez a classificaram como extremamente ou muito importante, seguido pelo check-in on-line, chave do quarto digital e pelo uso de máscaras obrigatórias pelos hóspedes e funcionários
  • Quando questionados sobre medidas regulatórias, o uso de sistemas de pagamento sem contato (67%) e câmeras infravermelhas para medir a temperatura corporal (58%) foram classificados como os mais importantes
"Essas descobertas recentes sobre as expectativas dos viajantes ajudam a navegar no novo futuro das viagens corporativas. Incorporar as prioridades dos viajantes para medidas de saúde e segurança nas estratégias de fornecimento é essencial. Por enquanto, os serviços que podem garantir viagens mais seguras substituirão o preço como fator decisivo para os gerentes de viagens. Além disso, fornecer as informações corretas, no momento certo, ajudará a tranquilizar quando eles começarem a voltar a viajar”, diz o COO e CCO global da TMC, Mike Janssen.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA