Empresa oferece alternativas para eventos com economia compartilhada

|


Divulgação Spacebase

Criada no começo do ano passado, a Spacebase está superando a marca de 1,7 mil parceiros de espaço para eventos com economia compartilhada. Com sua proposta de conectar companhias a donos de estúdios de fotografia, galpões, cozinhas industriais e outros negócios com capacidade ociosa, a empresa alemã tem se expandido pela Europa como alternativa de baixo custo a grupos de dez a 100 pessoas.

O uso do serviço se dá por uma plataforma virtual semelhante à da Airbnb. Por meio dela, um restaurante pode, por exemplo, oferecer uma sala nos horários em que estiver fechado. Os que oferecem os espaços, contudo, devem estar presentes no momento do encontro, diferentemente do esquema Airbnb.

Os lugares também têm que obrigatoriamente oferecer aparelhos para apresentações que demandam sistema de áudio e vídeo.

"Muitos de nossos clientes têm trabalhado com a mesma companhia por dez ou até 20 anos, e sempre se encontram nas mesmas salas dos mesmos hotéis - que têm os mesmos carpetes e mesmas paredes", observa um dos fundadores da Spacebase Jan Hoffmann-Keining.

"Hoje essas empresas estão buscando inovação e criatividade, mas muita gente está vendo que manter as reuniões sempre nos mesmos lugares e pensar sempre a mesma coisa torna esse processo mais complicado."

O portfólio da startup é a prova real da premissa de Hoffmann-Keining, uma vez que a maior parte dos clientes da Spacebase se caracteriza por clientes atuantes em indústrias criativas, como marcas de moda e empresas de design que usam o serviço para reuniões internas.

O executivo diz ainda que a economia gerada no aluguel de espaços alternativos para eventos chega a 40% no orçamento das companhias.

Ainda segundo o cofundador do site, o Spacebase foi desenvolvido nos moldes da Airbnb justamente pela familiaridade que os usuários já têm com a interface do serviço de acomodações compartilhadas.

Assim como no Airbnb, há filtros de busca no Spacebase, que trazem perfis de locais com diferentes estilos como museus, espaços sustentáveis ou residências, por exemplo. A busca também pode ser feita a partir de preço por hora e capacidade.

A seguir, confira alguns exemplos de espaços alternativos oferecidos no site da Spacebase:


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA