TECNOLOGIA

Hóspedes escolhem hotel pelo wi-fi, segundo pesquisa


Divulgação Atlantica Hotels
O wi-fi supera todas as outras comodidades quando se trata das preferências dos hóspedes, de acordo uma pesquisa da Forrester Research.

94% dos viajantes corporativos fazem questão de ter um wi-fi com bom desempenho e conectividade, enquanto 89% decidem onde se hospedar com base em wi-fi gratuito e confiável, segundo o 2018 Lodging Technology Study. Ou seja, a boa conectividade é a chave para as marcas se manterem competitivas.

Por exemplo, os clientes esperam um processo de check-in simples e tranquilo e os hotéis podem oferecer a suas equipes dispositivos habilitados para wi-fi para que elas prestem serviços de diferentes partes da propriedade.

A conectividade também é essencial para os hóspedes que precisam de um escritório remoto. O wi-fi do hotel deve ser capaz de lidar com uma variedade de dispositivos pessoais e empresariais que os clientes trazem, além de compartilhar banda larga suficiente para suportar grandes volumes de dados ou aplicativos de comunicação em tempo real.

À medida que a conectividade se torna cada vez mais crucial para as empresas, as marcas de hotéis começam a explorar um modelo semelhante de transformação digital pelo qual corporações de outros setores estão passando.

As equipes de TI estão apostando cada vez mais na conexão por meio de ambientes de nuvem e acesso direto à internet (DIA). Em muitos casos, as marcas globais de hotéis precisarão aproveitar uma variedade de fornecedores de nuvem e provedores de serviços de internet para oferecer suporte e tráfego pela rede.

Como 85% dos viajantes levam algum tipo de dispositivo habilitado para wi-fi para o hotel, o fornecimento de boa conectividade tornou-se uma métrica importante na qual os empreendimentos são classificados. O modelo para muitos hotéis muda com o novo estilo de vida do viajante moderno e, antes de tudo, mudanças nos negócios refletem uma mudança cultural.


*Fonte: Phocuswire

conteúdo original: http://bit.ly/2Hi8fo2
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora