Emirates e Etihad são primeiras aéreas a testar app da Iata

|

A Iata está fazendo parceria com a Emirates e a Etihad Airways para os viajantes de ambas as aéreas testarem o Iata Travel Pass, aplicativo móvel que ajuda os passageiros a gerenciar viagens de maneira simples e segura, de acordo com requisitos governamentais relacionados à covid-19, como testes e informações sobre vacinas.

Reprodução
Emirates e Etihad são primeiras aéreas a testar Iata Travel Pass, aplicativo móvel da entidade
Emirates e Etihad são primeiras aéreas a testar Iata Travel Pass, aplicativo móvel da entidade
Com ele, os clientes, poderão criar um “passaporte digital" para verificar se o seu teste pré-viagem ou vacinação atende aos requisitos do destino. Eles também poderão compartilhar os certificados de exame e imunização com autoridades e aéreas para facilitar as viagens. O app permitirá ainda que os passageiros gerenciem toda a documentação de viagem digitalmente e de forma contínua durante a jornada.

Antes de uma implantação completa, a Emirates implementará a fase 1 em Dubai para a validação dos testes de PCR antes da partida. Nesta fase inicial, prevista para começar em abril, os clientes viajando de Dubai poderão compartilhar o status de teste diretamente com a transportadora antes mesmo de chegar ao aeroporto por meio do aplicativo, que preencherá automaticamente os detalhes no sistema de check-in.

Já na Etihad, a ferramenta será inicialmente oferecida aos viajantes de voos selecionados de Abu Dhabi no primeiro trimestre de 2021. Se for bem-sucedido, o passe será estendido a outros destinos na rede da empresa.

Desenvolvido em quatro módulos independentes que podem interagir uns com os outros, o Iata Travel Pass contará com registro integrado de requisitos de viagem e também permitirá aos passageiros encontrar informações precisas sobre viagens e condições de entrada para todos os destinos, independentemente de onde estejam viajando. Além disso, ele fornecerá os centros de teste disponíveis e, eventualmente, de vacinação.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA