Delta implementa desinfecção contínua em quiosques e balcões

|

Divulgação
O novo revestimento faz parte dos protocolos de limpeza aprimorados da Delta
O novo revestimento faz parte dos protocolos de limpeza aprimorados da Delta
Em breve, os quiosques e balcões da Delta nas cidades norte-americanas de Atlanta, Salt Lake City e Minneapolis serão os primeiros a contar com superfícies com novos revestimentos antivirais de desinfecção contínua, que foram recentemente autorizados pela EPA (Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos). O BiaXamTM, produto desenvolvido pela Kraton Corporation, elimina o vírus da covid-19 e ainda garante proteção sustentada para clientes e funcionários contra uma variedade de outros agentes contaminantes de superfície.

"A equipe da Delta continua a aprimorar os processos de limpeza implementados no ano passado para cumprir nosso alto padrão de desinfecção em toda a experiência de viagem. Estamos investindo no BiaXam como parte de nosso compromisso de inovação com a higienização durante a pandemia e depois dela. Essa tecnologia fornecerá um nível adicional de proteção e nos permitirá melhorar a eficácia e a eficiência de nossa abordagem", disse o diretor geral de Estratégia de Limpeza Global da Delta, Jonathan Litzenberger.

PROTOCOLOS APRIMORADOS

Lançada no ano passado, a organização de Limpeza Global da Delta também continua a trabalhar com parceiros como a Reckitt, fabricantes do Lysol, para criar outras tecnologias e processos de desinfecção com respaldo científico que asseguram a saúde e a proteção de passageiros e funcionários.

Além disso, a empresa aérea está dedicando seu corpo de funcionários para apoiar as equipes dos aeroportos. Até agora, mais de 100 especialistas em limpeza ajudam a supervisionar o programa de garantia de qualidade da Delta, coletando dados para atestar a eficácia dos protocolos relativos a esse assunto em uma variedade de superfícies de alto contato. Entre as medidas de proteção estão a instalação de estações de desinfetante para as mãos e iluminação antimicrobiana nos banheiros das aeronaves; a introdução de tecnologia de pagamento sem contato a bordo; e a distribuição de lenços desinfetantes Lysol para a limpeza das áreas usadas pelos clientes em aeroportos e aviões.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA