Nova malha da Gol em GRU é bem recebida pela Air France-KLM

|


PANROTAS / Emerson Souza
Manuel Flahault, diretor da Air France-KLM para América do Sul
Manuel Flahault, diretor da Air France-KLM para América do Sul
A transformação da malha da Gol Linhas Aéreas no aeroporto de Guarulhos prometida para depois da alta temporada de verão anima a parceira europeia da companhia aérea brasileira, a Air France-KLM.

No terminal internacional, onde chega a maioria dos voos da Air France-KLM no Brasil, a Gol subirá de uma base média de pouco mais de 30 mercados para quase 60, fazendo de Guarulhos um dos principais hubs da Gol para destinos regionais.

A relevância desta ampliação é inegável entre os principais executivos da empresa aérea franco-holandesa no Brasil. "Guarulhos está se transformando em um hub cada vez mais importante para a Gol, A companhia está adicionando capacidade lá, o que facilita levar mais passageiros aos voos da Air France-KLM, com base em nossos pousos e decolagens para realizar bancos de transmissão", explica o diretor comercial da Air France-KLM para América do Sul, Steven van Wijk, que revela duas reuniões anuais com a parceira brasileira para definir a sinergia em conectividade.

PANROTAS / Emerson Souza
Steven van Wijk, diretor comercial da companhia para América do Sul
Steven van Wijk, diretor comercial da companhia para América do Sul
Conectividade, aliás, é prioridade para a Air France-KLM no Brasil, como acrescenta o diretor geral da companhia na América do Sul Manuel Flahault. "Antes da pandemia, um em cada quatro passageiros da nossa companhia no Brasil tinha bilhetes casados com a Gol", pondera o executivo.

"É importante ressaltar que essa parceria também funciona em âmbito continental. Com a volta da Gol a Montevidéu, iniciamos uma campanha de marketing no Uruguai atraindo os consumidores para voar à Europa conosco por meio da Gol", conclui Flahault.

Vale ressaltar que a Air France-KLM também voa para Fortaleza, o principal hub da Gol no Nordeste, e Rio de Janeiro, de onde também conta com a aérea brasileira.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA