MSC Seashore, 'o melhor da frota até o momento', é entregue hoje

|


Divulgação
Companhia considera o navio como o que há de mais moderno e avançado em sua frota até o momento
Companhia considera o navio como o que há de mais moderno e avançado em sua frota até o momento
A MSC Cruzeiros recebeu hoje o MSC Seashore, o segundo navio a se juntar à companhia em 2021, aumentando sua frota para 19 embarcações de cruzeiros. O MSC Seashore apresenta, segundo a empresa, algumas das mais recentes e avançadas tecnologias ambientais atualmente disponíveis no mar, confirmando o compromisso de longo prazo da MSC com a sustentabilidade. Para o presidente executivo da MSC Cruzeiros, Pierfrancesco Vago, este é o navio mais deslumbrante da frota da companhia até o momento.

LEIA TAMBÉM
Veja 5 destaques de lazer e entretenimento do novo MSC Seashore
MSC Seashore promete aventura gastronômica a bordo
MSC Seashore apresenta o maior e mais luxuoso MSC Yacht Club da frota

O MSC Seashore oferecerá cruzeiros durante verão do Hemisfério Norte no Mediterrâneo, antes de ir para Miami em novembro

O MSC Seashore chegou após pequena cerimônia no estaleiro Fincantieri. Participaram, além de Pierfrancesco Vago e outros membros das famílias Aponte e Aponte-Vago, Giampiero Massolo e Giuseppe Bono, presidente e CEO do Fincantieri, bem como representantes da equipe de novas construções da MSC, junto com executivos e colaboradores do estaleiro.

“A construção do MSC Seashore constitui um investimento que gera impactos econômicos diretos e indiretos de quase cinco bilhões de euros na economia italiana. Ao mesmo tempo, o início das suas operações também ativa uma importante movimentação econômica e de empregos para as comunidades que visitamos e muito mais, gerando um impacto econômico significativo a cada ano para a indústria do Turismo", comemora Pierfrancesco Vago.

FAMÍLIA SEASIDE EVO
O MSC Seashore é o primeiro navio da classe Seaside EVO, feita para ser uma evolução da classe Seaside, que por sua vez conta com o MSC Seaside e o MSC Seaview.

O novo navio promete uma série de novos recursos, ambientes e experiências para os seus hóspedes, já que 65% das áreas públicas do navio foram reprojetadas para levar a experiência do hóspede a um nível totalmente novo.

O navio oferece 13 mil metros quadrados de áreas externas, com uma grande variedade de bares e restaurantes com espaços ao ar livre, piscinas e decks para relaxar sob o sol, além de diferentes pontos ao redor do navio para contemplar as deslumbrantes vistas do mar.

"LIDERANÇA EM SUSTENTABILIDADE"
“Nosso mais novo navio é mais uma prova da nossa liderança em sustentabilidade, já que cada novo navio apresenta as mais recentes e avançadas tecnologias e soluções ambientais. Somado a isso, além do nosso protocolo de saúde e segurança, líder do setor, o MSC Seashore é o primeiro navio de cruzeiro do mundo a apresentar um novo e inovador sistema de sanitização do ar. O ‘Safe Air’ utiliza a tecnologia de lâmpada UV-C, eliminando 99% dos vírus e bactérias, garantindo um ar limpo e seguro para todos os hóspedes e para a tripulação a bordo", continua o presidente executivo.

FOCO NA INOVAÇÃO E NA EXPERIÊNCIA
De acordo com ele, o MSC Seashore também demonstra o compromisso da companhia com a inovação em termos de experiência do hóspede. "É sem dúvida nossa embarcação mais deslumbrante e sofisticada até o momento, e eleva a um nível totalmente novo a já bem-sucedida classe Seaside, com espaços públicos totalmente reprojetados, um novo lounge e uma oferta mais ampla de restaurantes e lojas, entre muitos outros recursos novos e aprimorados. Isso criará uma experiência a bordo única para nossos hóspedes neste verão do Hemisfério Norte no Mediterrâneo e quando o navio for direcionado para Miami para representar todos os valores de nossa marca, junto aos consumidores norte-americanos."

A encomenda é o maior navio de cruzeiros construído na Itália, de acordo com a empresa. O navio-irmão do MSC Seashore, MSC Seascape, está atualmente em fase de construção no estaleiro em Monfalcone, também na Itália, e está previsto para iniciar as suas operações no fim de 2022.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA