Conheça 4 'segredos' para atrair turistas chineses | Destinos | PANROTAS
DESTINOS

Conheça 4 'segredos' para atrair turistas chineses

Unsplash/Hanson Lu

Durante a última década, as viagens globais chinesas de saída aumentaram exponencialmente. O país é o maior emissor de viajantes do globo: foram 130 milhões em 2017, e a previsão é que esse número chegue aos 234 milhões em 2020.

Fatores como este, e também o fato de eles liderarem, de longe, a lista dos turistas mais "gastadores" do globo - apenas em 2017 foram US$ 258 bilhões gastos em viagens, alta de 469% em sete anos - faz do viajante chinês um dos mais cobiçados do globo.

LEIA MAIS:
China será destino turístico mais popular do mundo até 2030
Chineses aumentam em 469% gastos em viagens em 7 anos
Maioria dos chineses vem ao Brasil a negócios; entenda

A Forward Keys divulgou esta semana, durante a WTM Londres, um estudo com quatro fatores que os destinos precisam considerar para garantir uma fatia maior do Turismo chinês. Confira abaixo:

VOOS DIRETOS

Wikicommons/AloTrip International Limited
Voos diretos da China é um dos principais vetores para abocanhar uma parcela do turista chinês; na foto, o aeroporto internacional de Pequim
Voos diretos da China é um dos principais vetores para abocanhar uma parcela do turista chinês; na foto, o aeroporto internacional de Pequim


De acordo com relatório da Forward Keys, o aumento das viagens chinesas para a Irlanda durante o período de maio a agosto de 2018 é um ótimo exemplo de como novos voos diretos impactam diretamente na conquista de viajantes da China.

A Irlanda havia registado um 2017 de queda de número de chineses, além de um decréscimo de 7,8% no número de chegadas chinesas entre janeiro e abril de 2018. A criação de três novas rotas inverteram a tendência de queda e resultaram em um aumento de 4,1% nas chegadas de visitantes chineses durante o período de maio a agosto.

Outros exemplos incluem a Bélgica e a Grécia, onde novas rotas diretas levaram ao crescimento dos visitantes chineses durante o mesmo período de 2018.

FACILIDADE DE VISTOS

Os benefícios da reforma de vistos foram particularmente notáveis na Sérvia, que teve um aumento de 173% nas chegadas da China em 2017, após o país sérvio dispensar a necessidade de visto de turistas chineses em janeiro do ano passado. O país europeu registrou outro crescimento de três dígitos nas chegadas chinesas durante os primeiros oito meses de 2018.

A Forward Keys identificou ainda aumento na chegada de chineses em Marrocos e nos Emirados Árabes Unidos devido às políticas de relaxamento de visto.

CALENDÁRIO CHINÊS


Twitter/ Destination China
Se adequar ao calendário de feriados do país, como o Ano Novo Chinês, é um dos meios de atrair viajantes chineses
Se adequar ao calendário de feriados do país, como o Ano Novo Chinês, é um dos meios de atrair viajantes chineses

De acordo com o estudo, a sensibilidade ao calendário chinês é importante porque feriados do país, como o Ano Novo Chinês e a Semana Dourada do Dia Nacional, contam com um número "muito amplo" de turistas chineses que procuram viagens ao exterior.

“Um bom entendimento das sutilezas dos feriados chineses ajudará muito o setor a planejar, antecipar e capitalizar a demanda", comentou o VP de Insights da Forward Keys, Olivier Ponti. "Os marketeiros de destinos podem melhorar o tempo de suas campanhas, os gerentes de hotéis podem se preparar melhor para fazer com que os visitantes chineses se sintam bem-vindos e os varejistas podem estocar itens com maior probabilidade de atrair o turista chinês", encerra.

SEGURANÇA

A segurança, enfim, é apontada como uma das maiores preocupações do turista chinês ao escolher um destino. Depois da onda de ataques terroristas que atingiram a Europa Continental e o Oriente Médio em em 2015 e 2016, por exemplo, os visitantes chineses se afastaram consideravelmente destes destinos,

Passado este período, e com os países garantindo uma maior segurança com o final dos ataques, o mercado emissivo chinês voltou a crescer nestes destinos. Na Turquia, por exemplo, que conta neste momento com uma "imagem de segurança melhorada", registrou um aumento de 69% no período janeiro-agosto deste ano contra o mesmo período do ano passado.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA