MTur articula Aliança pela Retomada; veja quem mais falou no Abav Collab

|

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio
O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio
Um dos convidados para falar na abertura do Abav Collab, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, adiantou a elaboração de um acordo entre poder público e iniciativa privada para acelerar o movimento de retomada no Turismo brasileiro. A iniciativa, chamada de Aliança pela Retomada, vai unir as associações do G-20+ (grupo de entidades ligadas ao segmento) para debater ideias com representantes do governo federal e empresas privadas. A ideia é encontrar medidas práticas que tenham impacto rápido na volta do setor.

“A retomada já começou e agora precisamos ter união”, afirmou Antônio, durante seu discurso. De acordo com ele, as ações do grupo serão feitas no sentido de incentivar o Turismo rodoviário, as ações inovadoras e a promoção de destinos para brasileiros.

A aliança citada pelo gestor dá parte do conjunto de ações que buscam reativar o mercado de viagens. A primeira medida tomada nesse sentido foi o selo do Turismo Responsável lançado nos últimos meses e que abrange 15 segmentos da indústria.

Conforme explicou o ministro, desde o início da pandemia, o MTur tem trabalhado na preservação das empresas do setor e em ideias para a retomada. “Temos que olhar para a frente, acreditar que o pior já passou e agora podemos iniciar um novo capítulo dessa indústria”, afirma.

A abertura do Abav Collab seria toda ao vivo em Salvador, mas o ministro do Turismo foi diagnosticado com covid-19 e na capital baiana ficou apenas a parte das autoridades locais, como o secretário de Turismo, Pablo Barrozo. Os demais gravaram seus vídeos antecipadamente, de suas casas e cidades, e o presidente da OMT entrou ao vivo, de Madri.

EMBRATUR
Também representando o governo federal, o presidente da Embratur, Gilson Machado, também falou ao mercado. Machado disse que prefere enxergar o atual momento da pandemia como uma oportunidade e que acredita na criatividade do empresário e do trabalhador brasileiro. O executivo ainda afirmou que o órgão liderado por ele agora trabalha para fazer o mundo conhecer o potencial turístico e a vocação que o País tem para receber viajantes nos seus mais diversos destinos de natureza. Ele afirmou que o Turismo do Brasil foi "um dos que menos sofreu com a pandemia".

PRESIDENTE DA PANROTAS
José Guillermo C. Alcorta, presidente da PANROTAS
José Guillermo C. Alcorta, presidente da PANROTAS
O presidente da PANROTAS, José Guillermo C. Alcorta, deu as boas-vindas aos participantes do Abav Collab. “Queridos amigos agentes de viagens, queridos amigos do Turismo, que falta faz a gente se encontrar, viajar, trocar ideias e conversar olho no olho, não é mesmo? Mas que bom que a Abav está reunindo todos nós nesse evento inovador e que vai marcar a retomada das viagens e dos nossos negócios. Celebrar esse Dia Mundial do Turismo, portanto, é mais simbólico que nunca, marcando a força do nosso setor, dos agentes de viagens, operadores e de todos os empreendedores e profissionais dessa indústria”, disse Alcorta.

“Não tenho dúvidas que o Turismo será um dos motores da recuperação econômica e da volta ao desenvolvimento do País, suas comunidades, seus trabalhadores e empresas. Feliz Dia do Turismo a todos vocês. Queria dar um grande abraço como fazemos todos os anos no nosso estande na Abav Expo. Mas esse abraço fica para 2021, com certeza. Por enquanto, continuemos juntos para sairmos mais fortes dessa crise e seguirmos construindo o Turismo que nós sabemos fazer muito bem. Contem com a PANROTAS nessa jornada. E lembrem-se: Somos Todos Turismo. Grande abraço e bom Abav Collab a todos”, finalizou.

CNC
O presidente da CNC, José Roberto Tadros, reafirmou o compromisso da confederação com o Turismo: há 65 anos a entidade criou o Conselho de Turismo (hoje Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade) e vem investindo, por meio do Sesc, Senac e de ações macro, para que continue sendo um dos setores fundamentais da economia. “Uma responsabilidade que honramos todos os dias”. O presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, também deu as boas-vindas a todos no Abav Collab e convidou aos participantes que visitem os estandes da CNC e da FBHA, que contam com conteúdos exclusivos.

Carlos Melles, presidente do Sebrae Nacional, disse que o órgão está à disposição dos pequenos e micro empresários para orientar no reinício das atividades, com destaque para o Turismo, um dos setores mais atingidos pela pandemia.

SALVADOR
ACM Neto, prefeito de Salvador, disse que a cidade vai ser competitiva o ano todo e não apenas no verão, com sol e praia. “O Turismo vai sair mais forte dessa crise e Salvador será parceiro de todos vocês”, disse, enfatizando que a cidade investiu em segurança para que todos os turistas tenham férias tranquilas e com ótimas experiências.
O secretário de Turismo da cidade, Pablo Barrozo, destacou que Salvador foi o primeiro município do Brasil a conseguir o selo Safe Travels, do WTTC, e ainda lançou um selo próprio, com fiscalização da prefeitura, para garantir o cumprimento dos protocolos. Ele apresentou em primeira mão para a audiência da abertura do Abav Collab o vídeo da campanha Vem Meu Amor, que mostra a cidade pronta.

Bruno Wendling, presidente do Fornatur, destacou a necessidade de uma união de esforços de fato e não apenas pontualmente. Segundo ele, a construção de estratégias em conjunto, com esforços integrados, será fundamental para a sobrevivência do setor. “O futuro do Turismo virá da capacidade de construirmos coletivamente".

Veja no álbum abaixo outras autoridades do Turismo que falaram na abertura do Abav Collab.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA