AVIAÇÃO

United introduz ferramenta para passageiros com conexões

A United está introduzindo sua nova ferramenta, a ConnectionSaver, criada para melhorar a experiência dos clientes que se conectam entre voos da companhia aérea. A plataforma identifica automaticamente operações de partida que podem ser segurados para passageiros de conexões, enquanto garante que aqueles que já embarcaram no avião cheguem a tempo em seu destino.

Shutterstock
O serviço envia mensagens de texto personalizadas para todos os clientes de conexão, com direções claras do caminho até o portão e informações sobre quanto tempo a caminhada levará. Ele considera fatores como o tempo que levará para os clientes de conexões atrasadas irem de um portão a outro, assim como o impacto que a retenção pode ter em outras operações e passageiros.

“Por meio de uma tecnologia melhorada e da nossa dedicação para executar uma operação confiável, os passageiros com conexões estreitas estão conseguindo pegar seus voos. Nosso objetivo é fornecer aos nossos funcionários e clientes as informações mais atualizadas para tornar a conexão mais livre de estresse possível”, afirma o diretor de Clientes da United, Toby Enqvist.

Lançado em fevereiro em todos os serviços do aeroporto de Denver e expandido para o Chicago O’Hare, em quatro meses, mais de 14,4 mil viajantes que teriam perdido suas conexões puderam fazer seus voos graças ao ConnectionSaver. A previsão é que a tecnologia chegue até o final do ano em todos os hubs da aérea e no restante dos aeroportos no futuro.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA