AVIAÇÃO

Parceria Delta-Latam terá apenas uma sobreposição de rotas

Emerson Souza
Bianca Schimpl, coordenadora de Corporativo da Latam Airlines
Bianca Schimpl, coordenadora de Corporativo da Latam Airlines
Durante reunião do TMG realizada hoje (5) no Pullman Ibirapuera, em São Paulo, a coordenadora de Corporativo da Latam Airlines, Bianca Schimpl, falou aos gestores de viagens sobre a parceria da aérea com a Delta. Segundo ela, a grande diferença entre a joint venture que havia antes com a American Airlines é a não sobreposição de rotas, tendo apenas uma, que é a de São Paulo-Nova York.

“Isso facilita uma serie de aprovações, pois não há grandes sobreposições de rotas, como tínhamos no Chile. Mas ainda assim são necessárias aprovações. A conclusão deve levar de seis meses a dois anos e, por ora, nada muda. Em relação à Oneworld, vamos cumprir os contratos até começarmos os movimentos de saída, sem entrar em nenhuma outra aliança”, afirma.

Para as empresas que estão com contratos para expirar, eles já serão renovados de forma separada, já sem a Oneworld para que não haja um retrabalho. Os que estão vigentes serão honrados até o final e espera-se que em 12 meses seja feita toda a separação da aliança global.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA