Argentina lança programa de treinamento para viagens de incentivo

|

Unsplash
Inprotur está lançando hoje (19) seu programa de treinamento para viagens de incentivos aos profissionais da Argentina
Inprotur está lançando hoje (19) seu programa de treinamento para viagens de incentivos aos profissionais da Argentina
Em um ano difícil para o Turismo mundial, a Argentina, por meio do Instituto Nacional de Promoção Turística (Inprotur), está lançando hoje (19) seu programa de treinamento para viagens de incentivos. A proposta é destinada a todos os profissionais dos setores público e privado do país para conhecer o segmento, que é altamente atrativo no mundo corporativo e empresarial.

Ao pensar na viagem como uma recompensa, o rendimento das equipes passa a contar com um grande fator motivacional que as convida a promover ideias e alcançar melhores resultados. De acordo com o relatório de 2019 da Society for Incentive Travel Excellence (Site), os tomadores de decisão esperavam um crescimento entre 2% e 6% no gasto médio por viajante nos próximos três anos.

Mundialmente, esses tipos de viagens são organizados em mais de 100 países, mas é importante ter em mente que é necessária uma ampla especialização, já que são programas que incluem atividades fora das convencionais.

O programa da Argentina será constituído em uma série de seminários on-line, que estarão à disposição de todos os profissionais. Serão oito por segmento, com duração de 90 minutos cada, divididos por:

  • DMC e agentes de viagens receptivo
  • Convention & Visitors Bureaus, órgãos oficiais de Turismo e órgãos municipais
  • Hotéis, espaços e locais adequados para eventos motivacionais e centros de convenções
  • Organizadores de eventos, agências de incentivos, planejadores de reuniões que desempenham o papel de compradores de destinos nacionais para incentivos e convenções nacionais
  • Novos atores de viagens de incentivos

Os interessados em participar podem se cadastrar na seguinte plataforma: www.incentivateconelequipopais.com.ar
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA